Casa de Silvio Santos é assaltada em São Paulo

O apresentador do SBT Silvio Santos teve a casa assaltada, por volta das 22h de sábado, no Morumbi, zona sul de São Paulo.

iG São Paulo |

De acordo com informações da Polícia Militar, quatro homens invadiram a residência, localizada na rua Antônio de Andrade Rabelo, altura do número 500, no Morumbi. Silvio Santos não estava no local na hora do assalto. Porém, o genro e uma das filhas dele foram feitos reféns durante a ação.

Conforme a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o copeiro da casa, de 20 anos, compareceu ao 89º DP e contou que chegava à residência quando duas pessoas, pelo menos uma delas armada, renderam-no e exigiram que ele ficasse na guarita.

Um dos assaltantes ficou com o funcionário, enquanto o outro foi para dentro da casa, onde estavam outros dois comparsas. Segundo a polícia, os criminosos queriam informações sobre um cofre, que o copeiro disse não saber onde ficava. Instantes depois, o quarteto fugiu levando uma Tucson preta.

O copeiro afirmou que, para ter acesso à residência, o grupo rendeu seguranças de um imóvel vizinho. Quando a PM chegou ao local, os bandidos já haviam fugido. Ninguém ficou ferido.

A Tucson foi localizada perto do imóvel e devolvida à família. O caso foi registrado no 89º DP da capital e será investigado. 

Outro assalto

Em 2001, o apresentador também teve a casa invadida e, na ocasião, foi feito refém por mais de sete horas. Uma semana antes do crime, o homem, identificado Dutra Pinto havia mantido Patrícia Abravanel, filha de Silvio, uma semana presa em um cativeiro. Dias depois, perseguido pela polícia, voltou à mansão e rendeu Silvio. Após longas e tensas negociações, que foram acompanhadas por emissoras de TV, o sequestrador se entregou.

Leia mais sobre: Silvio Santos

    Leia tudo sobre: silvio santos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG