A assessoria do governador em exercício do Distrito Federal, Paulo Octávio, divulgou nesta tarde uma nota com o título Comunicado de renúncia informando que a sua carta de renúncia será lida às 17 horas, no plenário da Câmara Legislativa do Distrito Federal. A carta será encaminhada ao presidente da Câmara Legislativa, deputado Wilson Lima.

Menos de uma semana após preparar sua carta de renúncia, Paulo Octávio decidiu abrir mão do cargo hoje. Na quinta-feira passada, ele alegou que se manteria no cargo para garantir a governabilidade do DF. Paulo Octávio chegou a dizer que seguia recomendação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o que foi rechaçado em seguida pelo Palácio do Planalto. A intenção inicial de Paulo Octávio era aguardar uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre um pedido de intervenção federal solicitado pela Procuradoria Geral da República e tentar angariar apoio político entre os deputados distritais.

Mais cedo, Paulo Octávio encaminhou sua carta de desfiliação do DEM.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.