Carnaval de Londres leva 850.000 pessoas às ruas

Cerca de 850.000 pessoas invadiram domingo e segunda-feira as ruas do bairro londrino de Notting Hill para participar do maior carnaval da Europa.

AFP |

A multidão se esbaldou ao som da música caribenha e das percussões, seguindo trios elétricos comandados por foliões mascarados neste bairro do oeste da capital britânica.

"É a primeira vez que participo do carnaval, e é absolutamente incrível", exclamou Kishor Warasani, um estudante de 24 anos. "Gosto muito de ouvir música e dançar, com certeza estarei de volta no ano que vem", afirmou.

O carnaval de Londres, um evento que reúne centenas de milhares de pessoas a cada ano, já foi abalado no passado por atos de violência. No entanto, nenhum incidente sério foi registrado este ano.

A polícia prendeu mais de 200 foliões nos dois últimos dias, 19 deles por porte de arma. A maioria dos detidos esteve relacionada a delitos ligados ao abuso de álcool e ao uso de drogas.

"O número de detenções aumentou em relação ao ano passado, mas isso se deve principalmente a uma ação preventiva da polícia", declarou o chefe de polícia Jo Edwards.

O carnaval de Londres foi criado em 1959 por imigrantes das antigas colônias britânicas do Caribe, em reação a distúrbios sociais ocorridos no ano precedente. Ele passou por vários bairros de Londres antes de se estabelecer definitivamente em Notting Hill em 1964, tornando-se o segundo maior carnaval do mundo depois do do Rio de Janeiro.

psr/yw/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG