Carnaval 2010: Tom Maior celebra os 50 anos de Brasília

A comemoração dos 50 anos da fundação da capital federal, Brasília, motivou a escolha do samba-enredo deste ano da Tom Maior - Brasília, do sonho a realidade..

Agência Estado |

. Uma homenagem de São Paulo aos 50 anos da capital do Brasil".

Além da efeméride, os diretores da escola admitem que havia mais um motivo para homenagear Brasília: a possibilidade de um apoio financeiro do governo do Distrito Federal para o desfile. "Chegamos a nos encontrar com o Paulo Octávio (vice-governador do Distrito Federal) para discutir o apoio, mas ele foi direto e disse que não interessava o carnaval de São Paulo, só o do Rio", afirma Marko Antonio da Silva, presidente da Tom Maior. Brasília será homenageada pela Beija-Flor de Nilópolis, no Rio.

O desinteresse da administração do Distrito Federal em apoiar o carnaval da Tom Maior incomodou o presidente, que, mesmo diante da rejeição, decidiu manter o tema do desfile. "Até pensei em mudar por causa da falta de respeito, mas como já era uma escolha antecipada e como há uma motivação histórica para a escolha do tema, decidi manter", conta.

Sem o apoio do governo do Distrito Federal, a Tom Maior afirma que a contribuição da comunidade ligada à escola ajudará a financiar o desfile, que ele promete ser "inacreditável". O dirigente estima em até R$ 1,9 milhão os custos do carnaval deste ano, a ser bancado com as verbas oficiais da Liga das Escolas de Samba de São Paulo, com as vendas de fantasias e com o dinheiro arrecadado nas festas e ensaios na quadra da escola, fundada em 1973 em Pinheiros, na zona oeste de São Paulo. "Vamos fazer um grande desfile, independente de ficarmos no vermelho", promete o presidente.

O desfile, que ficou a cargo do carnavalesco Roberto Szaniecki, vai mostrar a história de Brasília desde sua fundação, falando da chegada dos candangos (como ficaram conhecidos os trabalhadores que atuaram na construção da capital federal) e citando o trabalho dos arquitetos Lúcio Costa e Oscar Niemeyer. "Vamos falar bastante da hospitalidade de Brasília, já que poucos conhecem esse lado. Quando pensam em Brasília, pensam só nos políticos", conta Marko, que ressalta ainda o destaque à mistura de raças na capital federal que será dado no samba.

A escola deve levar cerca de 3800 componentes à avenida, sendo que várias celebridades foram convidadas a participar do desfile: o cantor e vice-prefeito de São Bernardo do Campo, Frank Aguiar, o cantor Ney Matogrosso, o grupo de rock Capital Inicial, que é de Brasília, a apresentadora Fá Morena, a dançarina Adriana Bombom, madrinha de bateria, a ex-panicat Tânia Oliveira e o ator Alexandre Frota, que desfilará com uma fantasia pintada no corpo. "Vamos brigar pelo título", promete Marko Antonio.

Décima primeira colocada no carnaval do ano passado, a Tom Maior nunca conquistou o título do grupo especial do carnaval de São Paulo.

Confira o samba-enredo da escola:

Eu vi brilhar
Um lindo sonho se transformar
Das mãos dos artistas eu ganhei
A imagem da modernidade
Um Eldorado eu sou
Com um futuro de prosperidade
Vieram para trabalhar
Candangos a miscigenar
Meu solo "cerrado"
E fez pulsar a vida com ares de mudança
Eu sou a capital da esperança

Gira baiana...
O meu tempero te convida a viajar
Vem se encantar...amor
Aqui é o seu lugar!

É meu orgulho
Ver brotar a musicalidade
A arte, com talento de verdade
Mostrando ao mundo meu Brasil
Na fé, eu sou roteiro para a devoção
Na romaria da religião
Tenho a energia dos cristais
Mistérios espaciais
Meu sonho real, eu quero extravasar
São 50 anos de Brasilidade
Distrito Federal, eu sou feliz cidade

A luz da minha alma
Reflete as cores do meu pavilhão
Amor que já não tem explicação
É Tom Maior no coração do meu país
Sou Brasília muito mais feliz

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG