Carmen Miranda ganha homenagens pelo centenário em São Paulo

SÃO PAULO ¿ O elogiado show Balangandãs, da cantora Ná Ozzetti, abre hoje no Sesc Ipiranga o ciclo em homenagem ao centenário de Nascimento de Carmen Miranda (1909-1955). Estendendo-se até terça-feira de carnaval, o projeto Entre Babados e Balangandãs também apresenta (no domingo) o trio Revista do Samba, que tem a cantora Letícia Coura entre as integrantes.

Agência Estado |

Tanto Letícia como Ná têm Carmen como referência artística. Acompanhada de Dante Ozzetti (violão), Mário Manga (guitarra, violão e violoncelo), Zé Alexandre Carvalho (contrabaixo acústico) e Sérgio Reze (bateria e percussão), Ná interpreta de maneira muito pessoal clássicos de Carmen com sonoridade moderna, mas respeitando as bases originais. Um dos pontos altos do show é " Boneca de Pixe" (Sinval Silva).

Os shows não param por aí. Na sexta é a vez da Sapo Banjo Orquestra, formada por sete jovens músicos. Executando repertório instrumental, eles misturam carnaval, ska, rock e ragga. No sábado, sobe ao palco a cantora Yvette Matos com sua banda. Alternando histórias engraçadas e canções, Yvette dá um panorama no repertório de Carmen, cantando marchinhas e sambas célebres de Dorival Caymmi, Assis Valente, Lamartine Babo e Ary Barroso, entre outros.

Leia mais sobre: Carmen Miranda

    Leia tudo sobre: carmen miranda

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG