Cargos extras do PTB custam R$ 1,3 milhão para a Câmara

Partidos com bancadas eleitas em 2006 com o mesmo tamanho deveriam ter direito a um número igual de cargos comissionados nas suas respectivas lideranças na Câmara. Mas, na prática, o critério definido em fevereiro de 2007 pela Resolução 1/07, assinada pelo presidente Arlindo Chinaglia (PT-SP), não é cumprido.

Congresso em Foco |

O Congresso em Foco analisou os números de cargos de quatro partidos com representação semelhante e constatou que o PTB ocupa 14 cargos a mais do que prevê a norma administrativa, o que deixa PPS, PDT e PSB ¿ legendas do mesmo porte na Câmara ¿ em desvantagem.

Leia tudo no Congresso em Foco

    Leia tudo sobre: câmarapartido

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG