MONTREAL ¿ A cantora Lhasa de Sela, de 37 anos, que morava há muitos anos no Canadá, faleceu na noite de sexta-feira, informou o empresário da artista na noite de domingo.

"Um câncer de mama que combateu com coragem e determinação durante 21 meses acabou com ela", afirma David-Etienne Savoie em um comunicado em nome da família e de amigos da cantora. Lhasa de Sela morreu em casa em Montreal na noite de 1º de janeiro.

A cantora deu a volta ao mundo com seu primeiro álbum, "La Llorona", cantado em espanhol e lançado em 1997.

Nascida em 27 de setembro de 1972 em Big Indian, estado de Nova York, de pai mexicano e mãe americana, Lhasa de Sela optou por Montreal aos 19 anos para lançar sua carreira musical. Também lançou os álbuns "The Living Road" (2003) e "Lhasa" (2009).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.