No Rio e em São Paulo, dezenas não fazem a prova por problemas na inscrição; Cespe e Caixa dizem que vão analisar

Dezenas de candidatos não conseguiram realizar as provas de um concurso público da Caixa Econômica Federal, realizado na tarde deste domingo. Segundo o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB), responsável pelo concurso, o problema ocorreu em duas escolas, porque os candidatos compareceram ao local de prova errado.

As unidades que apresentaram problemas foram a Universidade Veiga de Almeida (UVA), nos blocos A e C, no Rio de Janeiro; e a Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU), prédios 2 e 9, em São Paulo. Nos demais locais, as provas transcorreram sem problemas.

De acordo com nota do Cespe, os candidatos que não encontraram seus nomes nas listas impediram, “mediante tumulto”, a realização das provas, “apesar dos esforços das equipes locais no sentido de viabilizar a aplicação”.

O Cespe e a Caixa afirmam que vão analisar “criteriosamente” o problema para tomar providências. As duas instituições se comprometem a comunicar em breve a decisão aos candidatos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.