Cancelamento dos shows de Michael Jackson custará uma fortuna

A morte de Michael Jackson três semanas antes de seu retorno aos palcos, em vários concertos em Londres, deixou inúmeros fãs desamparados e poderá custar muito caro aos organizadores dos shows, cujas entradas foram vendidas em tempo recorde.

AFP |

Cerca de 900 mil ingressos se esgotaram em poucas horas em meados de março - num ritmo de 657 por minuto - e milhares de entradas adicionais foram colocadas à venda no dia seguinte.

As entradas custavam 50 libras (82 dólares), 75 libras (123 dólares) e até 770 libras (1.270 dólares) pelo pacote show, champanhe e recepção VIP.

Inicialmente foram programados dez concertos na sala 02 (leste de Londres), mas o apetite dos fãs fez com que o número fosse ampliado para cerca de 50 shows.

Uma febre estimulada pelo fato de que os concertos deveriam marcar o retorno aos palcos do rei do pop, pela primeira vez desde 1997, e que também serviriam para que ele desse adeus.


Relembre as fases da carreira de Michael Jackson; veja o vídeo:

Leia também:


A carreira de Michael Jackson


Opinião


Leia mais sobre Michael Jackson

    Leia tudo sobre: michael jacksonmortemúsica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG