Brasil terá cerca de 400 mil candidatos nas eleições municipais, estima TSE" / Brasil terá cerca de 400 mil candidatos nas eleições municipais, estima TSE" /

Campanha eleitoral começa neste domingo

SÃO PAULO - A eleição 2008 começa, oficialmente, hoje. Neste domingo, 6 de julho, os candidatos a prefeito e vereador em cada um dos 5.562 municípios brasileiros estão liberados para fazer campanha. http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2008/07/05/brasil_tera_cerca_de_400_mil_candidatos_nas_eleicoes_municipais_estima_tse_1421106.htmlBrasil terá cerca de 400 mil candidatos nas eleições municipais, estima TSE

Redação |

Para estas eleições, entra em vigor a Resolução nº 22.718 / 2008, do Tribunal Superior Eleitoral, que permite aos candidatos distribuir folhetos e outros impressos, desde que contenham o CNPJ da empresa ou CPF da pessoa contratada para a confecção. 

A nova resolução também regulamenta a utilização de carros de som, que poderão circular entre 8h e 22h, e comícios com o uso de telões, permitidos entre 8h e 0h. Também podem ser instalados alto-falantes e amplificadores de som nas fachadas das sedes dos partidos políticos. 

A instalação de faixas, cartazes, placas e pinturas em propriedades particulares, com até quatro metros quadrados, estão legalizadas. Não é preciso licença municipal e nem autorização da Justiça Eleitoral para sua instalação.

Os candidatos poderão, ainda, realizar carreatas, caminhadas e participar de debates até a antevéspera da eleição, ou seja, dia 3 de outubro. Já para usar a internet na campanha, cada um precisa criar uma página exclusivamente para isso, usando ou não a terminação can.br . Qualquer tipo de campanha, em outro tipo de endereço eletrônico, está proibida. 

Showmícios, trios elétricos, propaganda em outdoors, distribuição de brindes com o nome e número do candidato e a retransmissão de shows e comícios em DVD continuam banidos da campanha eleitoral. O uso destes recursos pode gerar multa entre R$5.320,50 e R$15.961,50. 

A propaganda eleitoral gratuita na televisão e rádio deve começar em 19 de agosto e seguir até 2 de outubro, duas vezes ao dia, com duração de trinta minutos cada intervenção. A veiculação dos prefeitos e vice-prefeitos será às segundas, quartas e sextas. Os vereadores terão espaço às terças, quintas e sábados.  

No dia da eleição, não é permitido o uso de bandeiras, roupas com identificação de candidatos e partidos, realização de comícios ou carreatas nem a distribuição de material de campanha. A tradicional boca-de-urna será considerada crime com penalidade de prisão de seis meses a um ano e multa de $5.320,50 até R$15.961,50.

Leia também:

  • Marta lidera disputa em São Paulo com 38%, mostra Datafolha
  • Com 26%, Crivella lidera disputa pela Prefeitura do Rio, mostra Datafolha
  • Alianças para campanhas municipais não seguem jogo político nacional
  • Limitada no Brasil, internet reinventa maneira de fazer campanhas no exterior
  • Leia mais sobre Eleições 2008

      Leia tudo sobre: eleições 2008

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG