Caminhoneiros encerram protesto na Marginal do Tietê

A manifestação de caminhoneiros terminou no início da tarde de hoje e o trânsito já estava tranqüilo nas principais vias de São Paulo. Os manifestantes se concentraram no início do dia na pista local da Marginal do Tietê, sentido Rodovia Castelo Branco, na altura do Ponte da Vila Guilherme e saíram em passeata, complicando o tráfego na região.

Agência Estado |

Segundo a Polícia Militar (PM), 20 motoristas de caminhões de transporte de caçamba protestavam contra as medidas anunciadas pela Prefeitura da capital paulista para restringir a circulação de caminhões na cidade a partir do dia 30.

Com o fim do protesto, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrava apenas 33 quilômetros de lentidão em toda a cidade, às 15h30. O índice corresponde a 4% dos 835 quilômetros monitorados. De acordo com a CET, no mesmo horário, o pior trecho estava na pista expressa da Marginal do Tietê, sentido Lapa-Penha, onde o engarrafamento era de 2,9 quilômetros, desde a Rodovia Castelo Branco até a Ponte Atílio Fontana.

Na Avenida Paulista, sentido Consolação, a lentidão era de 2,2 quilômetros, desde a Praça Oswaldo Cruz até a Rua Augusta. Já na Avenida dos Bandeirantes, sentido Rodovia dos Imigrantes, o motorista reduzia a velocidade em 1,9 quilômetro, entre as ruas Conceição de Monte Alegre e Antônio de Macedo Soares.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG