BRASÍLIA ¿ A Câmara dos Deputados recebe na nesta terça-feira um projeto de lei de iniciativa popular que estabelece a permissão nas eleições, em todos os níveis, apenas de candidatos com a ficha limpa.

A iniciativa conta com 1,3 milhão de assinaturas, coletadas com apoio da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e mais cerca de 40 entidades.

O projeto encabeçado pelo Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral quer tornar inelegível o candidato condenado em primeira instância ou denunciado por crimes comuns e hediondos.

A data do protocolo da emenda foi selecionada para coincidir com a comemoração dos 10 anos da última lei de iniciativa popular - a lei 9849 de 1999, que tipifica como crime a compra de votos.

Leia mais sobre: ficha limpa

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.