Câmara de Praia Grande-SP vai investigar caso BNDES

A Câmara Municipal de Praia Grande, na Baixada Santista, vai começar a analisar, na próxima segunda-feira, documentos referentes aos financiamentos concedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para obras no município. Os documentos foram requisitados à Prefeitura após a deflagração da Operação Santa Tereza, da Polícia Federal, que investiga denúncias que ligam o prefeito de Praia Grande, Alberto Mourão (PSDB), ao grupo acusado de desvios na concessão de empréstimos.

Agência Estado |

As cerca de 4.500 páginas de investigação recebidas hoje na Câmara serão analisadas por uma Comissão Especial de Vereadores (CEV), instaurada no dia 26 de maio. A comissão tem 120 - a partir da sua criação - para apresentar um relatório ao plenário, podendo esse prazo ser prorrogado. Atualmente, o prefeito Mourão possui o apoio de dez dos treze vereadores de Praia Grande, inclusive o do presidente da CEV, Antonio Carlos Rezende (PSDB).

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG