PARIS (Reuters) - Um caderno com desenhos de Pablo Picasso foi roubado do museu do pintor em Paris, informou a polícia nesta terça-feira, que explicou que a vitrine onde estava exposta a obra estava quebrada. O roubo pode ter ocorrido entre segunda e terça-feira. O caderno tem valor estimado entre 7 e 10 milhões de euros (de 9,7 milhões a 13,9 milhões de dólares.

"A vitrine não estava fechada porque a fechadura estava quebrada", explicou um funcionário do museu, especificando que o caderno exposto estava em um lugar difícil de supervisionar.

A brigada para a repressão do vandalismo já está encarregada da investigação. O Museu Picasso está situado no bairro de Marais, em Paris.

(Reportagem de Yves Clarisse)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.