Cadastro positivo sofre resistências na Câmara

Inicialmente previsto para ser aprovado sem dificuldades na Câmara, o Projeto de Lei 836/03, do deputado Bernardo Ariston (PMDB-RJ), que cria o cadastro positivo do consumidor, agora enfrenta uma crescente resistência entre os parlamentares. No intervalo de três dias, entre terça (12) e quinta-feira (14), deputados da base e da oposição passaram a se mostrar reticentes quanto ao teor do relatório elaborado pelo deputado Maurício Rands (PT-PE) para a Comissão de Constituição e Justiça.

Congresso em Foco |

Na reunião de líderes partidários realizada na última quinta, ficou definido que o projeto será levado novamente à plenário na próxima terça-feira (19). Durante a semana, ele chegou a ser colocado em votação duas vezes. Mas a falta de consenso acabou atrasando a análise da matéria. O objetivo do cadastro é informar bancos e lojas sobre os pagamentos em dia feitos pelos consumidores.

Leia a reportagem completa no site: Congresso em foco

    Leia tudo sobre: congresso em foco

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG