O dono do cão confessou que só arrastou o animal depois porque ele teria matado algumas galinhas que eram criadas no quintal

selo

Um cachorro da raça american staffordshire terrier morreu após ser arrastado pelo dono em uma motocicleta em Araranguá (SC) na manhã de quarta-feira (4). Por volta das 11h10, moradores do bairro Barranca ligaram para a Polícia Militar (PM) denunciando o caso. Policiais foram até o local indicado e falaram com a mulher do responsável pela moto. Ela confirmou o fato e indicou o local onde o marido teria levado o cachorro.

Tiro na cabeça: Cachorro sobrevive a tiro na cabeça dado por seu dono em SP

Os policiais encontraram o homem de 31 anos e o animal já morto em um terreno. O homem confessou ter amarrado o cachorro na moto e o arrastado após o animal ter matado algumas galinhas criadas no quintal da casa.

Foi registrado um termo circunstanciado de acordo com o artigo 32 da Lei 6.605, que trata da prática de abuso, maus-tratos, ferimento ou mutilação de animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos. A pena para este tipo de crime é de três meses a um ano de detenção, além de multa. O suspeito não foi preso, mas terá de comparecer a uma audiência no dia 4 de junho no Juizado Especial Criminal, no Fórum de Araranguá.

Outros casos de agressão a cães:

- Cão enterrado vivo melhora e tem 17 pretendentes a dono

- Homem arrasta cão em carro por 500m em SP

- Enfermeira filmada agredindo cachorro vai responder por dois crimes

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.