O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, irá terça-feira a Brasília, acompanhado do governador do Espírito Santo, Paulo Hartung, tentar evitar mudança na distribuição dos royalties do pré-sal. De acordo com nota divulgada pela assessoria de imprensa do governo fluminense, os dois irão defender as receitas de seus Estados, que são produtores de petróleo.

Os dois governadores terão audiência, às 12h, com o presidente da Câmara, deputado Michel Temer (PMDB-SP), e o líder do PMDB e relator da partilha, deputado Henrique Eduardo Alves (RN). Em seguida, às 15h, será a vez de se encontrarem com as bancadas federais do Rio de Janeiro e do Espírito Santo para tratarem do tema e estabelecerem um discurso único de defesa.

Ainda segundo a nota, o Presidente Luiz Inácio Lula da Silva havia se comprometido com Sérgio Cabral e com Paulo Hartung que não haveria mudanças nas regras do pré-sal já licitado, embora tenham surgido iniciativas neste sentido na Câmara dos Deputados. As informações são da Agência Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.