Busca de desaparecidos é prioridade, diz Aeronáutica

A prioridade do Comando da Aeronáutica continua sendo a busca para encontrar as duas pessoas desaparecidas após o acidente com o C-98 Caravan da Força Aérea Brasileira (FAB). São eles: João de Abreu Filho, técnico da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), e Marcelo dos Santos Dias, mecânico da aeronave.

Agência Estado |

O acidente ocorreu na manhã da última quinta-feira, quando a aeronave fez um pouso forçado na margem do Rio Ituí, próximo ao município de Igarapé Jacurapá, Amazonas.

As buscas, de acordo com nota conjunta do Comando da Aeronáutica e da Funasa, estão sendo feitas com a ajuda de um helicóptero e equipes do Exército e Marinha. O Corpo de Bombeiros de Cruzeiro do Sul (AC) também ajuda na procura, percorrendo o rio Ituí, onde ocorreu o acidente. Uma clareira já foi aberta no local e as equipes contam com botes e equipamentos de mergulho.

Onze pessoas estavam a bordo do avião no momento do acidente. Seis dos sobreviventes, funcionários da Funasa, estavam internados em Cruzeiro do Sul, no Acre, mas já receberam alta e devem chegar ainda hoje em Tabatinga, Manaus. Os outros três passageiros resgatados - o piloto e dois mecânicos militares - já estão em Manaus, segundo informações da assessoria de Comunicação da Aeronáutica.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG