Briga entre Evandro e Andréia foi motivada por atraso do aluguel, diz advogado

GUARULHOS - Sebastião de Pádua, advogado do músico Evandro Gomes Correia Filho, disse nesta sexta-feira que a briga entre seu cliente e Andréia Cristina Nóbrega Correia, que terminou na morte dela e na queda do filho deles, Lucas, de 6 anos, do 3º andar de um prédio em Guarulhos, na Grande São Paulo, teve como principal causa o dinheiro que deveria ser utilizado para pagar duas prestações do aluguel do apartamento, que estariam atrasadas. O advogado afirma que Andréia queria usar a quantia para fazer uma tatuagem.

Paula Paulenas, repórter do Último Segundo |

Acordo Ortográfico
Pádua deu as declarações durante a reconstituição do crime, na manhã desta sexta-feira. Evandro continua foragido da polícia. O advogado afirmou também que já se encontrou duas vezes com o músico desde que entrou no caso, na terça-feira (25). Os contatos foram feitos por ele, e nos encontramos pessoalmente. É ele quem me procura, eu não procuro por ele. Pádua não quis responder em que ocasiões aconteceram os encontros, disse apenas que era na Grande São Paulo.

Lucas, filho do casal, deu depoimento, por meio de desenhos, à polícia. As imagens mostram um homem com uma faca ameaçando uma mulher.

O advogado conta outra versão: Evandro me disse que, por volta das 15 horas, foi com Andréia e o filho ao shopping Internacional de Guarulhos, porque Andréia tinha um horário marcado num salão de beleza. Ela ia fazer uma tatuagem em cima da sobrancelha, mas não chegou a fazer porque, mesmo com hora marcada, o lugar estava bastante cheio de gente. E então eles voltaram ao apartamento. Ele deixou Andréia e o garoto na porta do prédio, foi estacionar o veículo e voltou. Foi quando começaram as discussões.

O contrato de aluguel do apartamento está em nome de Evandro, diz o advogado, e, por isso, ele sabia do atraso do pagamento. Pádua afirma também que seu cliente sempre ajudava nas despesas de casa, pois era uma forma de manter o elo com o Lucas. Sebastião de Pádua disse, por fim, que Evandro está muito chocado e com medo do julgamento antecipado das pessoas.

Leia mais sobre: Guarulhos - queda

    Leia tudo sobre: guarulhosqueda

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG