Uma discussão de trânsito terminou com cinco pessoas feridas, uma em estado grave, por volta das 2h30 da madrugada de hoje, no cruzamento entre as avenidas Abel Ferreira e Regente Feijó, no Jardim Anália Franco, região do Tatuapé, na zona leste da cidade de São Paulo. Segundo a Polícia Militar, a menor J.

C.R.C., de 17 anos, uma das sete pessoas que ocupavam um Fiat Tipo, acusa Caio Fernandes Dorileo, de 22 anos, motorista de um Peugeot, ocupado também por Ricardo Augusto Cunha, de 21, e Anderson Escobar Cunha, de 20, de atingir violentamente a traseira do Fiat. Os três ocupantes do Pegeout nada sofreram no choque.

Entre os que estavam no Tipo, ficaram feridos, além da menor, que foi medicada e liberada, Janaina Joana da Silva, levada ao hospital em estado grave, Roberto Róbson Garcia, de 33 anos, motorista do Fiat, o filho dele, de 12 anos, e um rapaz altamente embriagado e ainda não identificado.

A polícia agora irá apurar a versão relatada pela adolescente. A menor ainda disse no 30º Distrito Policial, do Tatuapé, onde o caso foi registrado, que o Peugeot teria saído de um posto de gasolina e que um dos ocupantes estaria armado.

Nenhuma arma foi encontrada com os três rapazes. Os ocupantes do Tipo voltavam de um bar no momento em que tudo ocorreu. A polícia acredita que teria ocorrido uma discussão entre o trio que estava no Peugeot e os que ocupavam o Fiat.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.