Brasileiro suspeito de sequestro é preso nos EUA

O brasileiro Willian Gomes de Lima, acusado de roubo e sequestro, foi capturado na Flórida, nos Estados Unidos, por policiais da Organização Internacional de Polícia Criminal Americana (Interpol). A detenção ocorreu no início do mês passado, mas as informações só foram divulgadas ontem.

Agência Estado |

Ele deve desembarcar nesta manhã no Aeroporto Internacional Tom Jobim, no Rio de Janeiro, de acordo com informações da polícia. O acusado possui sete anotações criminais pelos crimes de furto, agressão e extorsão mediante sequestro.

De acordo com o delegado Marcos Reimão, Willian foi preso em flagrante no ano de 1998 pelo sequestro, no Rio de Janeiro, de Roberto de Brito Brandão. Depois, ele foi encaminhado para a carceragem do 26ª Distrito Policial (DP), de Todos os Santos, de onde fugiu com outros presos. Naquela ocasião, um policial militar foi assassinado.

Ainda segundo Reimão, durante as investigações foi apurado que, no início do ano de 2001, Willian saiu do Estado de Goiás e ingressou ilegalmente, por meio do México, nos Estados Unidos. Lá se estabeleceu em New Jersey, onde sua irmã, Aline Gomes de Lima, 30 anos, residia. Sua companheira, Meg da Cunha Araújo, e seus dois filhos foram ao encontro dele logo em seguida.

Policiais da Antissequestro enviaram dados junto com mandados de prisão, fotos, certidão expedida pela 2ª Vara Criminal de Jacarepaguá e outros procedimentos para que a Interpol iniciasse as buscas para a prisão de Willian e adiantassem os trâmites de sua extradição.

Nos Estados Unidos, Willian estava trabalhando ilegalmente e havia tirado habilitação para dirigir na Flórida em 2005, fornecendo endereço em Orlando, onde foi localizado pelos agentes norte-americanos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG