A Polícia Federal, em parceria com a Interpol na Bélgica, prendeu no dia 4 de setembro em Anderlecht um brasileiro de 19 anos acusado de latrocínio. Por cerca de dois meses, policiais federais da Interpol, em Minas, investigaram o acusado e o localizaram na Bélgica, para onde fugira valendo-se de um passaporte falso.

O local exato de seu paradeiro foi descoberto no dia 2 e transmitido à Interpol, que efetivou a prisão. O crime ocorreu em Carmo do Paranaíba, Minas Gerais, em 18 de março deste ano. Os trâmites legais para sua extradição para o Brasil já estão sendo cumpridos e em breve ele estará à disposição da Justiça brasileira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.