Brasil alerta para e-mails falsos enviados para uruguaios

A embaixada do Brasil no Uruguai emitiu nesta quinta-feira um alerta em função do envio de correios eletrônicos fraudulentos a destinatários uruguaios com remetentes de instituições públicas brasileiras, que incluem intimações judiciais, policiais e tributárias.

AFP |

"Registra-se cada vez com maior frequência o envio de mensagens eletrônicas falsas a destinatários localizados no Uruguai, enviados de endereços supostamente localizados no Brasil", afirma o comunicado.

"Nesses remetentes o nome de respeitadas instituições públicas brasileiras é utilizado para solicitar providências judiciais, administrativas e tributárias de cidadãos uruguaios", acrescenta.

Entre as instituições públicas brasileiras mencionadas nos e-mails falsos figura "o Superior Tribunal de Justiça, a Receita Federal, a Polícia Federal e o Banco do Brasil", destaca o texto.

A delegação brasileira em Montevidéu esclarece que são mensagens infundadas e maliciosas, cujos objetivos inescrupulosos só podem ser uma tentativa de cometer fraude contra cidadãos ou danificar os equipamentos de informática dos destinatários, e por isso devem ser ignoradas.

"Qualquer intimação judicial ou policial proveniente do Brasil só pode ser tramitada via oficial (Poder Judicial, Ministério de Justiça, Ministério das Relações Exteriores e Embaixadas), passando necessariamente pela chancelaria e por agentes judiciais e policiais do Uruguai", conclui o texto.

yow/cn-lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG