Brasil admitiu à ONU falta de preparo para desastres, diz jornal

País enviou relatório em 2010 que diz: "a falta de planejamento para ocupação do espaço contribui para aumento de perdas"

iG São Paulo |

O governo brasileiro admitiu à Organização das Nações Unidas (ONU) que a maioria do sistema de defesa do civil do País não tem preparo para tragédias, de acordo com reportagem do jornal O Estado de S.Paulo na edição deste domingo (16).

Segundo a matéria, um documento enviado pela Secretaria Nacional da Defesa Civil à ONU em novembro de 2010 diz que a “falta de planejamento da ocupação e/ou da utilização do espaço geográfico, desconsiderando as áreas de risco, somada à deficiência da fiscalização local, tem contribuído para aumentar a vulnerabilidade das comunidades urbanas e rurais, com um número crescente de perdas de vidas humanas”, diz o texto.

Ainda de acordo com o documento que o jornal teve acesso, a não implementação do plano de redução do impacto de desastres naturais (que foi firmado entre a ONU e 168 países, entre eles o Brasil) “vai contribuir para o aumento” das tragédias.

    Leia tudo sobre: brasilONUdespreparotragédiachuvas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG