Bombeiros voluntários mantêm buscas a padre em SC

Apenas os bombeiros voluntários da cidade de Penha (SC) permanecem nas buscas ao padre Adelir de Carli, de 41 anos, desaparecido no dia 20, quando tentava voar suspenso por balões de festa cheios de gás hélio. Quinze soldados do Exército ajudaram, nos dois últimos dias, a percorrer toda a mata da Praia Vermelha, sem obter qualquer sucesso.

Agência Estado |

Reprodução
Padre Adelir que desapareceu no litoral de SC

"O Exército veio e cumpriu sua missão", disse o comandante dos Bombeiros Voluntários, Johnny Coelho.

Ele afirmou que o trabalho de seus comandados deve se estender pelo menos até domingo. De acordo com Coelho, o padre teria alimentação para até dez dias, que se completam hoje.

"Uma pessoa pode agüentar até três dias sem comer", destacou. O comandante prevê para amanhã algumas buscas pela costa. Para quinta-feira, Coelho planeja uma operação maior, passando pelas 19 praias da cidade.

O padre tinha como alvo, bater um recorde: voar por 20 horas usando balões de festa gigantes. Por isso escolheu o último domingo para começar a viagem. A intenção do Padre era realizar o pouso na cidade de Dourados, no Mato Grosso do Sul.

Clique na imagem para ampliar

1° vôo

Em 13 de janeiro deste ano, Carli realizou um vôo com a ajuda de 500 balões cheios com gás hélio. Ele saiu de Ampére, no sudoeste paranaense, atingiu 5.337 metros e desceu quatro horas e 15 minutos depois, a 110 quilômetros dali, em San Antonio, na Argentina.
Segundo ele, o recorde de altitude anterior era de 3,9 mil metros, de um norte-americano.

Trabalhos na paróquia

A paróquia São Cristovão foi fundada em 14 de fevereiro de 2004 e é formada por treze capelas. Além de missas no local, o padre realiza um trabalho de evangelização junto aos caminhoneiros. Com a ajuda de um "caminhão-capela", a equipe também vai até postos de gasolina e conversa com os motoristas. "O padre trabalha muito, é muito atuante. Ele faz esportes radicais porque diz que não tem tempo para ficar na academia", afirmou a amiga Denise Gallas, coordenadora da Pastoral Rodoviária.

Leia também:

Leia mais sobre: padre - balões

    Leia tudo sobre: padrepadre aderli

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG