Bombeiros resgatam menino de 12 anos que estava desaparecido em mata do Paraná

CURITIBA ¿ O Corpo de Bombeiros resgatou na manhã desta sexta-feira um menino de 12 anos que estava desaparecido desde a última quinta-feira (10) no município de Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana de Curitiba. De acordo com parentes, Alex de Oliveira Santos, portador de deficiência mental, havia se perdido na mata quando ajudava o pai a cortar lenha.

Redação |

O menino foi encontrado em meio à mata, na zona rural do município, em um morro a quatro quilômetros da casa onde mora, no Jardim Belizari. Alex foi transportado de helicóptero até o Hospital Angelina Caron, em Campina Grande do Sul, onde foi diagnosticado apenas com quadro de desnutrição.

Ele estava bastante debilitado, porém consciente e sem nenhum ferimento, explicou o tenente-coronel do Corpo de Bombeiros Fábio Mariano de Oliveira.

De acordo com o delegado de Almirante Tamandaré, Adilson Ricardo da Silva, que investiga o caso desde o desaparecido do garoto, a polícia já ouviu alguns familiares de Alex. Conversamos com o pai, a mãe e um irmão do menino e o que pudemos constatar foi que houve uma falha do pai, contou. 

O homem informou que na tarde da última quinta-feira (10), por volta das 16h30, ele e o garoto estavam em uma vegetação fechada que fica a cerca de 150 metros da casa da família em busca de lenha. O pai pediu para Alex chamar a mãe para que os ajudasse e, desde então, ele não foi mais visto. O pai foi, no mínimo, negligente e poderá responder por abandono de incapaz, comentou o delegado.

A polícia também pediu exames médicos ao Instituto Médico Legal (IML). Estamos trabalhando com todas as possibilidades, por isso pedi a realização de vários exames que possam comprovar que ele realmente está bem e não foi vítima de nenhum tipo de agressão, completou a delegada Gisele Mara Durigan, que também acompanha o caso. 

Os policiais vão esperar o menino se recuperar para ouvi-lo. Ele ainda está bastante assustado. Só depois de ouvi-lo vamos encerrar o caso e encaminhá-lo a Justiça, disse a delegada.

Leia mais sobre: resgate

    Leia tudo sobre: bombeirosresgate

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG