BRASÍLIA - Quatro equipes do Corpo de Bombeiros estão no prédio do Banco Central, na região central em Brasília, para remover cerca de 4,5 mil litros de óleo diesel, que vazaram na manhã deste sábado. O óleo diesel, segundo os bombeiros, é usado como combustível no sistema de geração de energia do imóvel.

O vazamento foi descoberto por vigias do prédio, por volta das 9h30, no 4° subsolo. Ninguém ficou ferido e, segundo os bombeiros, não há risco de incêndio.

Equipes da Defesa Civil também foram acionadas e estão no local acompanhando o trabalho dos bombeiros, que contam com a ajuda de um caminhão tanque e materiais para absorção do combustível. Não há previsão para o término do serviço.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.