Objeto suspeito foi deixado no banheiro do Hospital Geral de Carapicuíba e explodiu na mão de um segurança

selo

Uma bomba explodiu ontem na mão esquerda de um segurança de 27 anos do Hospital Geral de Carapicuíba, na região metropolitana de São Paulo. Segundo a Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, o homem perdeu quatro dedos. Ele passou por cirurgia e passa bem. A explosão ocorreu por volta das 17 horas, após o vigilante manusear um objeto suspeito colocado na cabine de um banheiro. O local é de uso exclusivo dos funcionários e não possui monitoramento de câmeras.

Quatro testemunhas foram ouvidas no 1º Distrito Policial de Carapicuíba. Todas afirmam não ver motivos para alguém colocar um explosivo no local. Até o início da tarde de hoje a polícia ainda não havia preso ninguém. A perícia foi realizada pelo Instituto de Criminalística de São Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.