Boa visibilidade no Rio de Janeiro

A tarde desta quinta-feira começou com sol e boa visibilidade no Rio de Janeiro.

Climatempo |

À 1 hora da tarde, o aeroporto internacional Tom Jobim tinha total visibilidade para as operações. O aeroporto Santos Dumont, que faz a ponte aérea Rio-São Paulo, estava com 6000 metros de visibilidade e já operava normalmente.

As operações aéreas no Rio ficaram comprometidas até o meio da manhã de hoje, por conta do forte nevoeiro que se formou sobre a cidade. A visibilidade no aeroporto Tom Jobim variou de 500 a 100 metros, entre 4 horas da madrugada e 8 horas da manhã. Os pousos tiveram que ser cancelados entre 8h30 e 9h30 da manhã. As decolagens foram realizadas com auxílio de instrumentos. Apenas após as 9h30, a visibilidade aumentou o suficiente para permitir as operações de pousos.

No aeroporto Santos Dumont, a visibilidade oscilou entre 800 e 900 metros, das 5h10 da madrugada até as 8 horas da manhã. Mas às 9 horas, a visibilidade ainda não passava de 1200 metros, um valor tecnicamente baixo para o Santos Dumont. Os pousos e as decolagens foram cancelados entre 6h20 e 10h30 da manhã. A partir daí, o Santos Dumont reiniciou as operações mas com o auxílio de instrumentos.

O forte nevoeiro de hoje foi resultado da lata umidade do ar e da baixa temperatura na cidade do Rio de Janeiro. Desde o domingo, com a passagem de uma frente fria, o tempo ficou chuvoso na capital fluminense. Nesta sexta-feira e também no sábado, ainda há possibilidade de formação de nevoeiro no Rio de Janeiro.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG