O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou hoje medidas de apoio ao governo de Santa Catarina e às empresas localizadas nos municípios catarinenses que declararam estado de calamidade pública ou situação de emergência por causa das enchentes. O Programa de Apoio Emergencial a Santa Catarina (Paesc) foi criado com dotação de R$ 100 milhões para financiamento de capital de giro a micro, pequenas e médias empresas.

Outras medidas aprovadas foram a ampliação do Programa de Apoio à Revitalização de Empresas (Revitaliza), com condições especiais de financiamento, e a criação do Programa de Refinanciamento de Créditos (Refin Especial), também para empresas da região.

Além dos três programas, será refinanciado o crédito concedido pelo BNDES ao Estado para pagamento de dívidas com as Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) no período do apagão, o que, segundo o banco, permitirá um alívio de caixa para o Tesouro estadual. Os municípios afetados por enchentes também terão prioridade na obtenção dos recursos financeiros do Programa de Intervenções Viárias (Provias), voltado para obras municipais de infraestrutura.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.