Blitz da lei seca multa 3 motoristas durante a madrugada

Policiais militares do 34º Batalhão de Trânsito realizaram na capital paulista, das 22h de ontem às 4h desta madrugada, mais uma Operação Direção Segura para combater a perigosa mistura álcool e volante. Foram montados bloqueios nas avenidas Águia de Haia, Marechal Tito e Governador Carvalho Pinto, na região de São Miguel, na zona leste da cidade.

Agência Estado |

Os policiais pararam 30 veículos, abordando 65 pessoas, das quais 31 realizaram teste do bafômetro. Como nenhuma se negou a passar pelo teste nem houve registro de nível superior a 0,29 mg de álcool por litro expelido nos testes realizados, a PM não encaminhou ninguém à delegacia, mas 3 motoristas foram autuados no local por embriaguez pois estavam com nível de álcool entre 0,11 e 0,29 mg.

Pela nova Lei, chamada "Lei Seca", quem for pego pelo bafômetro com uma margem entre 0,0 e 0,11 mg de álcool/litro de ar expelido não é considerado infrator e acaba liberado. De 0,11 a 0,29 mg, paga-se uma multa de R$ 957,20 e corre-se o risco de ter a CNH suspensa de 12 a 24 meses; acima de 0,29 mg, além de pagar a multa e correr o risco de perder a habilitação, o infrator é levado para a delegacia, responde criminalmente, podendo pegar uma pena que varia de 6 meses a 3 anos de detenção e só é liberado para responder em liberdade após pagar uma fiança de R$ 300 a R$ 1.200.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG