O apagão que começou por volta das 22h de terça-feira, afetando grande parte do País, prejudicou o abastecimento de água para cerca de 6,7 milhões de moradores de São Paulo, segundo a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). De acordo com a Sabesp, com a falta de energia elétrica a partir das 22h13 de terça-feira, todas as estações de tratamento de água da Sabesp e as estações elevatórias deixaram de funcionar.

  • Internautas relatam o apagão. Envie informações ao Minha Notícia
  • Relembre os maiores blecautes das últimas décadas pelo mundo
  • Região de Itaipu tem previsão de chuva e trovões para hoje
  • Presidente da Itaipu é convocado para reunião com Lula
  • Fotoshow: veja imagens do blecaute pelo País
  • Todas as equipes de operação e manutenção mantiveram-se em prontidão e começaram a normalizar os sistemas de abastecimento logo após o retorno da energia elétrica.

    De acordo com a Sabesp, há uma demora para restabelecer a distribuição de água devido à necessidade de encher as tubulações e os reservatórios de água tratada e a água tem que percorrer longos caminhos até atingir cada um dos pontos de abastecimento. Além disso, a água, preferencialmente, enche primeiro os pontos baixos para, somente depois, chegar nos mais altos e distantes.

    Por volta das 10h30, a produção da empresa era de 41 m3/s, o que representa 65% da demanda total na Região Metropolitana de São Paulo. A normalização de todo o sistema ainda depende da volta regular da energia elétrica nas estações e a recuperação total do sistema ocorrerá durante o dia e a madrugada. Pontos mais críticos podem sofrer com o desabastecimento até a madrugada de quinta-feira.

    Rio de Janeiro

    No Rio de Janeiro, três escolas e cinco creches municipais das zonas norte e oeste do Rio de Janeiro não estão funcionando nesta quarta-feira por causa de um problema no fornecimento de água. No total, 1.729 alunos estão sem aula. De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, a falta d´água é reflexo do apagão que atingiu dez Estados e o Distrito Federal na noite de terça-feira.

    (*com informações da Agência Estado)

    Leia também:

  • Vendaval pode ter causado apagão, diz presidente da Itaipu
  • Queda de três linhas de transmissão causou apagão, diz ministério
  • Após apagão em parte do País, Itaipu informa que opera normalmente
  • Estados enfrentam noite de caos e medo sem energia elétrica
  • Imprensa internacional repercute apagão no Brasil
  • Metrô de SP inicia operação mais cedo e rodízio é suspenso
    • Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.