Biocombustíveis vencerão debate sobre energia, acredita Lula

BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva se disse convencido de que o debate internacional sobre matrizes energéticas será vencido pelos biocombustíveis. Depois de participar da 1ª Conferência Internacional de Biocombustíveis, em São Paulo na última semana, ele afirmou que a tecnologia gera empregos, recupera terras, não polui e apresenta maior produtividade.

Valor Online |

Em seu programa semanal Café com o Presidente, Lula destacou um estudo realizado pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro) comparando automóveis movidos a álcool e a gasolina - ambos da mesma marca, com o mesmo motor e analisados sob as mesmas condições de velocidade e de tempo.

O resultado, segundo ele, é que o carro a gasolina emitiu 8,5 vezes mais CO2 (gás carbônico). Na mesma comparação mas com caminhões, o Inmetro concluiu que o veículo movido a óleo diesel emitiu 5,3 vezes mais CO2.

"Esse é um debate que não parou ainda, que vai continuar, mas é um debate por meio do qual queremos convencer as pessoas", disse Lula.

O presidente lembrou que o Brasil já construiu uma sede da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) em Acra, capital de Gana, e que o objetivo é realizar um estudo em todo o território africano de savanas. De acordo com ele, há planos para que o mesmo seja feito em países da América Central.

"Sobretudo para os Estados Unidos, que são grande consumidor de etanol, seria muito melhor que comprassem o etanol dos países da América Central e do Caribe, porque ajudaria a desenvolver esses países, geraria emprego, geraria renda e ajudaria as pessoas a viver um pouco melhor " .

(Agência Brasil)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG