BID discute investimentos em cidades de Sergipe

O presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o colombiano Luis Alberto Moreno, classificou como bastante satisfatória a visita que está fazendo no Nordeste brasileiro, onde a instituição tem uma carteira de 12 projetos, no valor total de US$ 617 milhões (R$ 990 milhões). Hoje, no Palácio de Despachos - sede do governo sergipano -, Luis Alberto se reuniu com o governador de Sergipe, Marcelo Déda (PT), para discutir a possibilidade de o Estado obter da instituição recursos da ordem de US$ 5 milhões para projetos de São Cristóvão e US$ 8 milhões para Laranjeiras, cidades históricas que integram o Plano de Desenvolvimento de Sergipe.

Agência Estado |

O encontro contou com a participação do presidente Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Luiz Fernando de Almeida, e secretários estaduais. De acordo com Luis Alberto Moreno, os pleitos do governo sergipano serão analisados "com profundidade". Na visita que fez a Laranjeiras, o presidente do BID conheceu a Igreja do Sagrado Coração de Jesus, o Casarão do Oitão, onde está instalada a biblioteca do campus da Universidade Federal de Sergipe (UFS) e o Quarteirão dos Trapiches.

Em São Cristóvão, Luis Alberto esteve na praça São Francisco, edificada em 1657 pelos franciscanos e candidata ao título de patrimônio cultural da humanidade. Nessa cidade já foram investidos US$ 8,8 milhões, para restauração, por meio do Projeto Monumenta do Ministério da Cultura, da praça São Francisco, Convento e a Igreja de Santa Cruz, sobrado da antiga Ouvidoria e a Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG