on ProductID=em Belo Horizonte. Oon ProductID=em Belo Horizonte.em Belo Horizonte. O dirigente afirmou não acreditar que os petistas de BH recorram à Justiça, como anunciou o prefeito Fernando Pimentel (do PT), e disse torcer para que o PSB não desfaça a aliança com o PT em função do veto imposto pela cúpula petista." / on ProductID=em Belo Horizonte. Oon ProductID=em Belo Horizonte.em Belo Horizonte. O dirigente afirmou não acreditar que os petistas de BH recorram à Justiça, como anunciou o prefeito Fernando Pimentel (do PT), e disse torcer para que o PSB não desfaça a aliança com o PT em função do veto imposto pela cúpula petista." /

Berzoini nega irritação de Lula após veto do PT à aliança com PSDB em Belo Horizonte

BRASÍLIA - O presidente do PT, deputado federal Ricardo Berzoini (SP), negou nesta sexta-feira (25) os rumores de que o presidente Lula teria se irritado com a decisão do partido de proibir a aliança com o PSDB nas eleições municipais deste ano urn:schemas-microsoft-com:office:smarttags /on ProductID=em Belo Horizonte. Oon ProductID=em Belo Horizonte.em Belo Horizonte. O dirigente afirmou não acreditar que os petistas de BH recorram à Justiça, como anunciou o prefeito Fernando Pimentel (do PT), e disse torcer para que o PSB não desfaça a aliança com o PT em função do veto imposto pela cúpula petista.

Rodrigo Ledo ¿ Último Segundo/Santafé Idéias |

No dia seguinte à decisão da comissão executiva nacional do PT sobre a situação da capital mineira, Ricardo Berzoini tentou minimizar o impacto da notícia. Sobre os efeitos no Palácio do Planalto, por exemplo, ressaltou que o presidente Lula não comunicou desagrado à cúpula petista. Mas também não negou que o presidente possa interferir na situação, já que via com simpatia o entendimento com tucanos em BH.

"Não é verdade (a irritação de Lula). Lamentavelmente tem gente que é candidato a boneco de ventrículo, mas o presidente não é boneco nem precisa utilizar ventrículo, reclamou o dirigente, para em seguida destacar a autonomia da legenda:

O PT é um partido político que toma suas decisões em trabalhos internos. Existia essa tendência (do veto) na executiva nacional e agora a tarefa de todos os envolvidos é ajudar o PT de Belo Horizonte a achar um caminho para cumprir a resolução e trabalhar uma proposta de aliança para atingir a vitória em BH.

Ameaças

Uma outra repercussão sobre a qual Ricardo Berzoini não quis especular foi a reação do PSB. Segundo fontes desse partido, que forneceu o nome de Márcio Lacerda para encabeçar a chapa com o PT e o PSDB, há o risco de desmanchar a aliança com petistas porque a presença dos tucanos na coligação teria maior peso eleitoral ¿ em função da popularidade do governador do Estado, Aécio Neves.

Berzoini foi cauteloso quanto a esses rumores. Se o PSB decidir que não quer, é outra questão. Eu não especulo sobre o futuro, e o espaço para o diálogo continua aberto, esquivou-se.

Sobre a ameaça de petistas de BH recorrerem à Justiça para driblar a decisão da executiva nacional, Berzoini também desconversou. Não vou especular sobre isso porque há uma tradição histórica no PT de não recorrer à Justiça para resolver seus problemas internos. Mas qualquer pessoa pode recorrer às autoridades judiciais do País (se julgar necessário).

Leia mais sobre: PT

    Leia tudo sobre: pt

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG