O secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, culpou nesta terça-feira os usuários de drogas pela guerra entre traficantes e policiais que deixou cinco criminosos mortos e cinco feridos em confrontos que duraram todo dia de ontem na Ladeira dos Tabajaras, em Copacabana, na zona sul da capital fluminense.

"O usuário de drogas dentro dessa cadeia (do tráfico) tem uma participação importante, assim como o produtor, o fornecedor, o transportador, o vendedor. As pessoas brigam no fundo por dinheiro e é daí que sai o dinheiro, de quem consome. Quem consome tem que pagar e naquelas áreas paga-se, e paga-se muito bem."

AE

Policiais militares inspecionam mata no entorno da Ladeira dos Tabajaras nesta terça-feira

Segundo o secretário, as ocupações da Polícia Militar (PM) "não vão acabar com o tráfico, não vão acabar com a violência". "Ela (a violência) vai existir e o tráfico vai migrar. O tráfico vai existir sempre onde existir viciado e onde existir viciado vai existir tráfico", disse.

Desde a noite de sábado, um grupo de traficantes da favela da Rocinha, em São Conrado, tentava invadir e tomar os pontos de vendas de drogas da Ladeira dos Tabajaras, que tem bocas de fumo bastante rentáveis. Os tiroteios levaram pânico aos bairros do Humaitá, Lagoa e Jardim Botânico.

Veja o vídeo do confronto

Leia mais sobre: violência no Rio


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.