Beira-Mar é condenado a 15 anos de prisão

O traficante Luis Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, foi condenado nesta tarde a 15 anos de prisão. Ele foi considerado mandante do assassinato do traficante João Morel, ocorrido em janeiro de 2001, dentro da Penitenciária de Segurança Máxima de Campo Grande (MS).

Agência Estado |

Os sete jurados, cinco mulheres e dois homens, concordaram com a tese da Promotoria de que ele ordenou o homicídio duplamente qualificado - por motivo torpe e cruel. Eles não aceitaram a terceira qualificação de que o crime seria por pagamento.

O julgamento durou 9 horas e 20 minutos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG