Bebê sequestrado pode estar em delegacia de SP

Um bebê de um mês foi deixado ontem em uma delegacia da capital paulista. A polícia acredita que a criança seja a filha de Josiele do Espírito Santo da Cruz, de 26 anos, que teve o bebê sequestrado no início da noite de quarta-feira por uma desconhecida.

Agência Estado |

De acordo com a polícia, a família da criança é uma das 570 famílias despejadas da Favela Olga Benário, na zona sul de São Paulo, na segunda-feira. A mãe da menina fará hoje o reconhecimento da criança, que foi deixada por uma parente da suposta sequestradora no 99º Distrito Policial (DP), no Campo Grande, também na zona sul.

O bebê, que passou a noite em um abrigo, deve ser levado nesta tarde até o casal que teve a filha sequestrada. O casal deve reconhecer a menina no 47º DP, que está investigando o caso. A Secretaria de Segurança Pública do Estado não soube informar se a mulher que deixou o bebê na delegacia foi detida para averiguação.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG