Bebê sequestrado em SP é entregue em delegacia

A polícia de São Paulo confirmou nesta tarde que o bebê deixado em uma delegacia é Amanda, a filha de Josiele do Espírito Santo da Cruz. Ela teve a recém-nascida sequestrada por uma desconhecida no início da noite de quarta-feira, no Capão Redondo, zona sul de São Paulo.

Agência Estado |

Segundo a polícia, Beatriz Mota Magalhães, acusada pelo sequestro, está foragida e assim que for encontrada vai ser indiciada e responder por sequestro e cárcere privado, cujas penas variam entre dois e cinco anos de prisão.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado, a mãe de Beatriz levou a criança até a delegacia na noite de ontem depois de reconhecer sua filha com o bebê nas imagens gravadas por câmeras de segurança de uma farmácia, divulgadas pela imprensa. Ainda segundo a polícia, a mãe de Beatriz contou que a filha estava grávida e perdeu o bebê recentemente. O caso está sendo investigado pelo 47º Distrito Policial, no Capão Redondo. Josiele faz parte de uma das famílias despejadas da Favela Olga Benário, no Capão Redondo, na última segunda-feira.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG