Bebê que havia sido levado do Hospital do Gama é encontrado

O bebê que havia desaparecido do Hospital Regional do Gama, a 40 quilômetros de Brasília, na tarde desta quinta-feira, foi encontrado por volta de 21h. Caio, que nasceu há três dias, estava atrás de um quiosque localizado a 100m do hospital.

Redação com Agência Estado |

De acordo com a polícia, a professora Cláudia Regina de Souza Lacerda, de 33 anos, está presa e confessou do crime. Ela teria afirmado que sofre de problemas de distúrbio. 

O menino teria sido levado pela professora, que estava vestida de enfermeira, por volta de 15h. Ela entrou na maternidade e pediu à mãe para encaminhar a criança para fazer um exame de raios-x. Uma hora depois, a mãe de Caio pediu ajuda aos seguranças.

Após o seqüestro, a professora acabou retornando ao hospital e informou a duas funcionárias que, num matagal próximo, havia um bebê abandonado. Em seguida, a professora deixou o local, mas após andar uns 50 metros, foi abordada por policiais militares e acabou confessando o crime.

O bebê passa bem e desde ontem já está ao lado dos pais Cristina Maria da Silva, 24 anos, e Leandro de Castro, 25.

Leia mais sobre: seqüestro

    Leia tudo sobre: bebê seqüestrado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG