Bebê de mulher que se dizia grávida de gêmeos fará DNA

O Ministério Público Estadual requisitou à Justiça, na segunda-feira, autorização para que o bebê entregue como filho de uma mulher que dizia estar grávida de gêmeos seja submetido a exame de DNA.

Agência Estado |

Os promotores de Justiça de Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo, querem confirmar se o menino, chamado Gabriel, é ou não filho do casal Andressa Sales, de 35 anos, e Rodrigo Triano.

Andressa deu entrada no Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos no dia 28 de fevereiro, onde acreditava que daria à luz dois meninos gêmeos.

No entanto, após o parto, Andressa recebeu apenas um bebê. A Secretaria Estadual da Saúde informou que apenas um nasceu e não houve troca de crianças na unidade.

Segundo a secretaria, falhas apresentadas nos exames podem ter levado a uma interpretação errada. A promotora Daniela Hashimoto diz que parentes de Andressa afirmam que na ultrassonografia feita na véspera do parto os bebês teriam 2,8 quilos e 2,7 quilos.

Entretanto, a criança apresentada à família como filho do casal tem cerca de 3,4 quilos. Os promotores requisitaram também a apresentação dos exames de pré-natal feitos por Andressa.

Os promotores aguardam a recuperação da mãe para ouvi-la. A intenção era tomar o depoimento de Andressa na segunda-feira, mas isso não ocorreu por complicações de saúde. A Secretaria de Saúde informou que o quadro dela é estável, mas não há previsão de alta.  


Mãe diz ter tido gêmeos e recebido um bebê

Leia mais sobre bebês

    Leia tudo sobre: bebês

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG