Bebê de mulher morta por bala perdida em recebe alta

RIO DE JANEIRO ¿ Nicolas, nascido prematuramente após sua mãe, Samantha de Oliveira Fraga, de 21 anos, ser morta a tiros em uma lan house de Niterói, região metropolitana do Rio de Janeiro, teve alta na noite desta terça-feira. Prematuro, ele ficou internado na UTI neonatal do Hospital Universitário Antônio Pedro desde o último mês de agosto.

Redação |

Acordo Ortográfico

O recém-nascido, após deixar o hospital, seguiu com o pai, César da Cruz Almeida, para a Ilha do Governador, onde ficará perto dos familiares.

Samantha de Oliveira Fraga foi morta após um veículo passar atirando contra uma lan house. Os alvos, segundo a polícia fluminense, seriam um policial militar e um bombeiro que estavam dentro do local. 

A jovem  foi atingida do lado direito do crânio. Levada  ao hospital Antônio Pedro, os médicos decidiram fazer uma cesariana para tentar salvar o bebê. Samantha não resistiu aos ferimentos e morreu.

Leia mais sobre: violência

    Leia tudo sobre: bebêniteróiviolência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG