Barreiras acústicas são instaladas na Linha Vermelha, no Rio de Janeiro

A instalação de barreiras acústicas na Linha Vermelha, uma das principais vias expressas do Rio de Janeiro, segue a todo vapor. Com um investimento de R$ 20 milhões, o projeto também será realizado na Linha Amarela. Segundo a secretaria municipal de Obras, a medida tem como objetivo proteger as residências localizadas próximas às pistas do barulho produzido pelos carros.

Anderson Dezan, iG Rio de Janeiro |

AE

Operários instalam barreiras acústicas ao longo da Linha Vermelha

De acordo com a secretaria, o projeto também possui a intenção de diminuir a ocorrência de crimes nas duas vias expressas. Margeadas por mais de 30 favelas, as linhas Vermelha e Amarela possuem um histórico de tiroteio entre traficantes rivais e de invasão de pessoas para a realização de protestos e assaltos.

De acordo com a concessionária Lamsa, que desenvolve a ação, cerca de 200 barreiras de acrílico vão ser colocadas em uma extensão de 7,6 quilômetros próximas às comunidades do Caju, Maré, Bonsucesso, Del Castilho, Inhaúma e Cidade de Deus. Na Linha Vermelha, todos os painéis devem ser instalados até maio. Na Linha Amarela, o processo terá início em abril, ainda sem previsão de conclusão.

AE

Barreiras acústicas estarão presentes em uma extensão de 7,6 km

Principal acesso ao Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, a Linha Vermelha registra diariamente um movimento de cerca de 140 mil veículos. Já pela Linha Amarela, circulam por dia aproximadamente 380 mil automóveis. As barreiras acústicas instaladas vão contar com pinturas feitas por artistas das comunidades que ficam ao longo das duas vias expressas.

Leia mais sobre: Linha Vermelha , Linha Amarela

    Leia tudo sobre: linha amarelalinha vermelha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG