Bandidos ateiam fogo em guarda no litoral de São Paulo

GUARUJÁ - Um guarda municipal de 35 anos foi trancado dentro do seu veículo e teve o carro incendiado por criminosos na noite de sábado, no Guarujá, litoral de São Paulo. Segundo a polícia, o guarda conseguiu fugir antes que as chamas tomassem conta de seu corpo.

Redação |

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo, a vítima contou à polícia que foi abordada por três homens que queriam sacar dinheiro em um caixa eletrônico.

No entanto, ao perceber que se tratava de um guarda municipal, resolveram agredi-lo. O caso aconteceu por volta das 18h30 de sábado, na Avenida Tancredo Neves, no bairro de Cachoeira.

Os bandidos levaram o guarda até o Morro da Asa Delta e jogaram gasolina nele e no seu veículo, um Idea preto, ateando fogo nos dois logo em seguida. A vítima conseguiu fugir.

Ele relatou à polícia que os bandidos estavam encapuzados e dois deles armados com revólveres.

O Corpo de Bombeiros apagou as chamas do automóvel, que foi levado pela polícia para perícia.

Os suspeitos fugiram levando o celular da vítima, um par de tênis e uma carteira com cerca de R$ 1800. Até o momento, ninguém foi preso.

Leia mais sobre: assalto

    Leia tudo sobre: assaltobandidofogoguarda municipal

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG