LONDRES ¿ Um total de 710 obras de Pablo Picasso estão registradas como desaparecidas no Art Loss Register, um banco de dados de objetos roubados, criado na Grã-Bretanha, para facilitar sua recuperação.

Destas, 93 desapareceram no ano passado, disseram fontes da empresa, depois do roubo de um caderno de desenhos do museu Picasso de Paris, anunciado hoje.

O Art Loss Register, que colabora com a Polícia e com companhias de seguros, acredita que a proliferação de roubos de obras do artista se deve a sua fama, a seu grande acervo e aos elevados preços de suas obras no mercado.

Leia mais sobre: Picasso

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.