BARCELONA ¿ O Balé da Cidade de São Paulo está em terras espanholas. Referência internacional pela personalidade interpretativa e criatividade de seus bailarinos, a companhia se apresenta de 3 a 6 de setembro em Barcelona, no Gran Teatro del Liceo, considerado um dos mais importantes do mundo.

Uma das coreografias é de um
dançarino catalão / Silvia Machado

Serão três espetáculos diferentes: "Dualidade@br", "Canela Fina" e "Perpetuum", com coreografias "enigmáticas, fantasiosas, com um toque quase selvagem, segundo o diretor de orquestra Guerassim Voronkov. 

Mônica Mion, diretora artística da companhia, conta que há cinco anos o grupo se prepara para essa viagem. É ótimo representar o Brasil fora, ainda mais em um teatro como este. O Liceo foi inaugurado em 1864 e tem capacidade para 2292 espectadores. É conhecido por ser uma casa de ópera pelas precisas características acústicas e por ter sido palco de performances importantes de Bellini e Wagner.

Uma das coreografias, "Canela Fina", é do catalão Cayetano Soto, que depois de dois meses e meio na companhia dos bailarinos brasileiros conseguiu um trabalho que surpreendeu a si próprio. Nunca tinha tido experiência assim em toda minha vida. Estou muito impressionado com o elenco, e nao é só pelo fator técnico, mas pelo humano, que poucas companhias têm. Sua coreografia reflete o espírito do Brasil, mas não de forma direta e previsível, explica. Depois, arriscando-se a falar português, lamenta: sinto muita saudade de São Paulo.

Entre os dias 3 e 5 de setembro, as apresentações serao às 20h e no sábado, 6, a companhia se exibe em dois horários, às 17h30 e às 21h. Depois de Barcelona, a turnê européia segue pela Alemanha e França.

Leia mais sobre: dança

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.