Polícia inicia ação para implantar 1ª 'UPP' em Salvador

Durante a ação de hoje, os 228 policiais militares e civis vão realizar abordagens a automóveis, pedestres e em comércio

AE |

selo

A polícia iniciou na madrugada desta terça-feira uma operação no bairro Calabar, em Salvador, para cumprir 14 mandados de prisão contra suspeitos de cometerem diversos crimes na região. A ação será estendida até a implantação da Base Comunitária de Segurança, prevista para o final de abril.

A Base Comunitária de Segurança é um modelo de policiamento inspirado nas Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) do Rio de Janeiro. O secretário de Segurança Pública da Bahia, Maurício Barbosa, visitou Calabar neste mês, junto com a cúpula da Polícia Militar, para vistoriar as instalações e ouvir os moradores da região. De acordo com a secretaria, a implantação de bases comunitárias faz parte do programa Pacto Pela Vida, que prioriza as áreas com maior violência em ações efetivas de combate à criminalidade.

Calabar, um dos bairros mais violentos da capital baiana, está localizado entre a Avenida Centenário e o bairro da Federação. Durante a ação de hoje, os 228 policiais militares e civis vão realizar abordagens a automóveis, motocicletas, pedestres e estabelecimentos comerciais. Até as 7h30, a Secretaria de Segurança Pública não tinha informação sobre presos e nem sobre material apreendido.

    Leia tudo sobre: políciasalvadoruppbahia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG