Um colega de turno, sargento da companhia em Vitória da Conquista, disparou a arma, ao tentar tirá-la do coldre

selo

A soldado da Polícia Militar Ana Maria Marques Costa, de 24 anos, morreu na manhã desta sexta-feira, em Vitória da Conquista (BA), depois de ser atingida por um tiro disparado da própria arma, um revólver calibre 38.

Ana Maria trabalhava no plantão da Central de Rádio da 79ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), em Poções (BA), na noite de quinta-feira, quando um colega de turno, sargento da companhia, disparou a arma, ao tentar tirá-la do coldre.

Na Bahia: Justiça anula expulsão de líder da greve da Polícia Militar

Atingida no quadril, a soldado foi levada a um hospital de Vitória da Conquista, onde chegou consciente e foi submetida a uma cirurgia, mas não resistiu ao ferimento e morreu pouco depois das 5 horas desta sexta-feira.

O sargento foi detido para prestar esclarecimentos na Corregedoria da Polícia Militar. O enterro do corpo de Ana Maria será realizado sábado, em Poções.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.