MST invade fazenda da Veracel no sul da Bahia

Militantes entraram em área de plantio comercial e cortaram árvores

Thiago Guimarães, iG Bahia |

Integrantes do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) invadiram, na manhã desta segunda-feira (28), uma fazenda da Veracel em Eunápolis (651 km de Salvador). Segundo a Veracel, cerca de 150 militantes entraram na fazenda Nova América e cortaram eucaliptos em área de plantio comercial.

A multinacional do ramo de celulose e papel informou ainda que a área invadida é produtiva e que até o começo da tarde não havia recebido reivindicações dos sem-terra.

O MST informou que a invasão envolveu cerca de 1.500 mulheres integrantes do movimento. “As trabalhadoras denunciam a ação do agronegócio no extremo sul da Bahia, com a produção da monocultura de eucaliptos praticada pela Veracel na região de maneira irregular, pois ocupa terras devolutas [sem registro privado nem uso público]”, disse, em nota, Lúcia Barbosa, da coordenação nacional do MST.

Os sem-terra começaram a plantar milho e feijão na área invadida, segundo o MST. A ação, informou o movimento, integra a “jornada de mulheres” da organização e da Via Campesina (coordenação internacional de movimentos de camponeses e pequenos agricultores), de denúncia ao “uso indiscriminado de agrotóxicos e à violência contra a mulher”.

A Veracel informou que todos os imóveis da empresa são “escriturados, registrados e licenciados em seu próprio nome”. Disse ainda manter “postura do diálogo” e “disposição em contribuir para a transformação construtiva desse impasse social adverso”.

    Leia tudo sobre: mstinvasãoveracel

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG