Ex-PM flagrado conversando com grevista na Bahia é preso

Na gravações, advogado Davi Salomão anuncia que vai "queimar viatura" e "queimar duas carretas" na BR-116

AE |

selo

Flagrado em conversas telefônicas combinando ataques a carretas e o fechamento de uma rodovia com o líder da greve da Polícia Militar na Bahia, Marco Prisco, o advogado Davi Salomão, ex-policial militar, foi preso no início da noite da quarta-feira (15), em Vitória da Conquista, no sul da Bahia.

Pós-greve : Governo da Bahia garante 20 mil policiais no carnaval
Presença: Força Nacional permanecerá na Bahia para o carnaval
Nos eixos: Salvador tenta entrar na rotina do carnaval

Nas gravações, feitas com autorizaçãoo da Justiça, Salomão anuncia que vai "queimar viatura" e "queimar duas carretas" na BR-116 - que atravessa o Estado no sentido Norte-Sul, antes de ouvir Prisco dizer: "Fecha a BR aá, meu irmão". O advogado está detido no Presídio de Vitória da Conquista e deve ser transferido para Salvador até esta sesta-feira.

Vinte e sete PMs e ex-PMs acusados de liderar a paralisação foram detidos no Estado, desde o início da greve, no dia 31. Além deles, foi preso, em Natal (RN), o vice-presidente da Associação Nacional de Entidades Representativas de Praças Militares Estaduais (Anaspra), Jeoas Nascimento.

    Leia tudo sobre: greve bahiagreve pmDavi Salomão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG